A definição dada pela UNESCO para o termo  Cultura de Paz  significa o comprometimento de promover e vivenciar o respeito à vida e dignidade de cada pessoa sem discriminação ou preconceito, a rejeição de qualquer forma de violência, o compartilhar de tempo e recursos com generosidade a fim de terminar com a exclusão, a injustiça e a opressão política e econômica, desenvolver a liberdade de expressão e diversidade cultural através do diálogo e da compreensão do pluralismo, manter um consumo responsável respeitando todas as formas de vida e contribuir para o desenvolvimento da comunidade, área, país e planeta.

A BibliASPA compartilha esta visão (consulte Quem Somos) e tem se empenhado para que esses princípios permeiem todas as ações que desenvolve, de forma interdisciplinar.

No dia-a-dia procuramos promover a cultura de paz e as expressões culturais dos povos árabes, africanos e sul-americanos em benefício do respeito mútuo e da diversidade.

Organizamos ações, projetos e grupos de estudo sobre o tema com frequência.

 

Rap em prol da paz

Alunos da BibliASPA criaram um rap em prol da paz com estudantes árabes e brasileiros; entre outros momentos, o rap foi apresentado no Criança Esperança. Ouça abaixo:

Observe o refrão!: Todo convivendo com Hubb (حب – amor) e Salám (سلام – paz). Mussáwa (مساواة – igualdade)… Wahda (وحدة  – união)… isso que temos que aprender e guardar, todos convivendo com Hubb (حب – amor) e Salám (سلام – paz). Mussáwa e Salám, Igualdade e Paz, pra mim e pra você.

 

Você sabia?

Você sabia que “Assalam aaleykom” (السلام عليكم, Que a paz esteja contigo) é uma das principais saudações utilizadas nos países árabes e muçulmanos?

 

Tenda da Paz

Tenda Paz foto1 Tenda Paz foto2

A BibliASPA organiza ações que promovem a diversidade cultural, o respeito mútuo e a integração em tendas que motivam o interesse e a participação do público.

A Tenda da Paz é um estímulo para trocar ideias e fortalecer o apreço pelo intercâmbio cultural. A hospitalidade é um importante valor na ASPA, assim a acolhida pode oferecer chá, café, livros, arte e educação.

As tendas também organizam atividades vinculadas à memória social e individual, registrando histórias orais, por exemplo.

 

icone 11