Caligrafia

“Se quiseres destacar-se na caligrafia, dedica-te a teu Senhor e Mestre”, Ibn Bawwab (séc. XI)

Presente nos objetos do cotidiano, em templos diversos, nos museus e nas residências, a caligrafia árabe é a expressão artística mais reverenciada no Islã, por causa de seu vínculo com a revelação divina. Ela congrega ciência e arte e, por vezes, remete ao sagrado como meio de transmissão da mensagem corânica e exaltação do divino.

"Diga: nada nos atingirá a não ser aquilo que foi prescrito por Deus". DIWANI JALI com arte ornamental. Nanquim sobre papel Couché, 2006.

“Diga: nada nos atingirá a não ser aquilo que foi prescrito por Deus”. DIWANI JALI com arte ornamental. Nanquim sobre papel Couché, 2006.

Arte árabe e islâmica por excelência, caligrafia diz-se ḫa, do verbo ḫaa, que significa traçar uma linha, revelando o vínculo do termo com o desenho.

Representando uma arte extremamente refinada à qual se agregam os arabescos, entre o geométrico e o vegetal, adquiriu um equilíbrio harmonioso entre as diferentes letras e os padrões decorativos. Assim, na caligrafia árabe, as letras podem adquirir formas distintas conforme sua posição na palavra, o que permite flexibilidade e ornamentação ilimitadas. 

Botão Caligrafia1

Botão Caligrafia2

Botão Caligrafia3

Botão Caligrafia4

Fonte: Livro “Caligrafia Árabe”, de Moafak Dib Helaihel. Edições BibliASPA.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s